BLOG

Categorias

Gestão
Gestão de Custo
Outros
Processos
Redução de Custos e Despesas
Rentabilidade e Lucratividade

Software de gestão hospitalar vale a pena? Entenda aqui

São muitos os desafios que os gestores de todas as áreas enfrentam atualmente. O grande número de dados gerados diariamente — o famoso Big Data —, demanda agilidade no acesso a eles de forma confiável.

O recente uso da telemedicina e a crescente necessidade de acessar informações de forma remota mostraram como é importante contar com um software de gestão hospitalar eficiente e atualizado.

Preparamos um artigo que vai ajudar você a entender melhor sobre o assunto.

O que é um software de gestão hospitalar?

Esse sistema é utilizado como facilitador no gerenciamento das rotinas médico-hospitalares. Entre as soluções que ele pode oferecer, estão as questões administrativas, que envolvem o controle de almoxarifado e disponibilidade de recursos, por exemplo.

Eles também atendem demandas mais específicas, como agendamento de consultas e cirurgias eletivas.

Quais são os maiores benefícios?

Nosso dia a dia está repleto de avanços tecnológicos que facilitam e organizam a vida pessoal e profissional. Não é difícil entender o quanto um software de gestão hospitalar é importante.

1. Redução de falhas humanas

O uso de softwares de gestão hospitalar permite a implantação de prontuários eletrônicos, que proporcionam muitos benefícios, tanto para quem trabalha na área de saúde, quanto para os pacientes atendidos, pois conseguem contar com um processo menos burocrático.

Com os dados do paciente alocados em um único sistema de fácil acesso, é possível consultar as informações clínicas e o histórico de forma mais precisa. Dessa maneira o diagnóstico fica mais preciso, o que minimiza a possibilidade de um erro.

2. Agilidade no gerenciamento de consultas e procedimentos

Os softwares de gestão hospitalar disponibilizam plataformas específicas para o agendamento de consultas e procedimentos diversos. Isso permite um controle mais apurado dos recursos envolvidos, como a ocupação de leitos e salas de cirurgia.

3. Segurança no armazenamento de dados

Clínicas e hospitais concentram grande quantidade de informações diariamente. Elas precisam estar organizadas e seguras, afinal, qualquer erro pode custar uma vida. Proteger os dados de hackers e fraudes também é fundamental.

Um software de gestão hospitalar diminui as chances de que essas informações sejam acessadas por pessoas não autorizadas.

4. Melhoria na tomada de decisões

Um bom sistema de gestão contribui para a automatização das rotinas e processos envolvidos na administração e no operacional. Ele facilita os agendamentos, o controle de recursos e traz agilidade na classificação de riscos durante a triagem dos pacientes, permitindo que as tomadas de decisão sejam mais assertivas.

Como escolher um bom software de gestão hospitalar?

A primeira coisa a fazer é pesquisar uma empresa que possa, além de fornecer o software, proporcionar um atendimento e suporte técnico personalizados. Ela vai ajudar você a escolher o produto mais adequado às suas necessidades.

A escolha de um software de gestão hospitalar adequado eleva o nível dos serviços e melhora o gerenciamento como um todo. Mais qualidade e competitividade em um mercado cada vez mais dinâmico e exigente.

Já sabe quais são as suas necessidades? Fale com um de nossos consultores, ele está preparado para ajudar você.