BLOG

Categorias

Gestão
Gestão de Custo
Outros
Processos
Redução de Custos e Despesas
Rentabilidade e Lucratividade

Será que a teleconsulta veio para ficar?

O que é teleconsulta? Em resumo, ela é mais um avanço tecnológico que surgiu com o propósito de oferecer mais comodidade tanto aos médicos, quanto aos pacientes. Estimulada por conta do avanço da pandemia do COVID-19, esse tipo de atendimento se mostra um serviço cada vez mais em alta.

Utilizada sabiamente, a teleconsulta pode tornar-se um recurso de grande valor, uma vez que é possível alcançar mais clientes, entregando um serviço de qualidade. Se você quer saber como funciona a teleconsulta e quais são as suas vantagens, continue lendo o texto a seguir!

O que é Teleconsulta?

A teleconsulta é uma tendência da telemedicina. Ela é uma aplicação que possibilita a troca de informações entre o médico (ou então outros profissionais da área da saúde) e o paciente por meio de videochamadas.

Por essa razão, esse serviço tem múltiplas funções como a consulta clínica básica, a verificação de resultados de exames, o fornecimento de diagnósticos precisos, a transferência de conhecimentos entre especialistas e a prescrição de medicamentos.

Por intermédio da Teleconsulta, um paciente pode ter um atendimento com um médico sem que seja necessário se deslocar até uma clínica ou hospital. Essa possibilidade permite conseguir cuidados médicos em situações em que isso seria difícil de acontecer, em tempo real ou de forma assíncrona.

Quais são os tipos de teleconsulta?

Essa forma de atendimento remoto pode ser classificada em dois tipos. Cada qual com suas particularidades e benefícios. Para saber mais sobre elas, confira logo abaixo!

Teleconsulta síncrona

A teleconsulta síncrona é definida como um serviço no qual o médico atende o paciente em tempo real. Nessa situação, a consulta tem de ser agendada e o cliente consegue acesso rápido ao diagnóstico, de modo que ele pode fazer perguntas e receber as respostas de forma imediata.

É o procedimento que mais se assemelha às já conhecidas consultas presenciais. Ele pode ser realizado por meio de videoconferências, em chamadas de voz e em troca de mensagens, embora esta última opção não seja considerada muito eficiente.

Teleconsulta assíncrona

Por outro lado, a teleconsulta assíncrona é caracterizada pelo atendimento não ser efetuado de forma ao vivo. O hospital ou a clínica enviam questionários e formulários ao paciente, e este os envia de volta ao médico. Esse procedimento é indicado para casos não urgentes, aqueles que não precisam da interação direta entre o profissional e o cliente.

Quais são as vantagens da Teleconsulta?

Essa nova forma de atendimento é uma inovação tecnológica que está mudando a maneira tradicional de encontro entre profissionais de saúde e pacientes. Embora alguns especialistas mantenha um pé atrás em relação a essas transformações, é importante conhecê-las e estar atualizado sobre elas. Confira logo a seguir algumas vantagens da aplicação da teleconsulta:

  • aumento no acesso à saúde;
  • a qualidade do atendimento não é afetada;
  • agilidade na consulta;
  • diagnósticos mais precisos;
  • segurança nos dados do paciente;
  • redução de custos.

Ao diminuir a distância entre os especialistas da área da saúde e os pacientes, essa forma de serviço remoto possibilita levar atendimento a mais pessoas, de modo que amplia o potencial de atuação dos profissionais envolvidos. Portanto, saber o que é teleconsulta é fundamental para o bom andamento dos negócios.

Achou o conteúdo educativo e interessante? Então, compartilhe-o em suas redes sociais para que mais pessoas possam ficar por dentro do assunto!